Algumas funções poderão não funcionar com o JavaScript desabilitado, ative-o nas configurações de seu navegador.
BRASIL
Acesso à informação Links

Unilab | Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira



História de Redenção

menor

O atual nome Redenção, oficializado em 1889, faz referência ao fato da cidade ter entrado para a história como a primeira no Brasil a libertar totalmente seus escravos. Isso ocorreu por declaração, em 1º de janeiro de 1883, resultante de sugestão de Deocleciano Ribeiro de Menezes. Os “libertadores”, importantes abolicionistas, vieram em comitiva prestigiar a solenidade do acontecimento, através da Estrada de Ferro de Baturité.

A atual cidade de Redenção, era conhecida como Acarape e pertencia à província de Baturité, em 1823. Teve como seus primeiros habitantes os índios tapuias, que vieram de Jaguaribe para habitar as margens do Rio Pacoti. O rio corta a região onde se formou uma pequena comunidade que vivia da pesca e agricultura.

redençao

Depois começaram a chegar alguns negros africanos que desembarcaram no Mucuripe e se espalhavam por muitos municípios do Ceará. Foi o primeiro núcleo de povoação para o surgimento do município. O povoado foi elevado à categoria de vila, em 28 de dezembro de 1868, pela Lei de n.º 1255, com o nome de Acarape, desmembrando-se do município de Baturité.

As primeiras manifestações religiosas aparecerão a partir da construção da primeira capela. A Freguesia se apoiou sob a Lei nº 1.242, de 20 de dezembro de 1868. O primeiro vigário foi o padre Antônio André Lino da Costa, nomeado no dia 10 de dezembro de 1869, havendo como registro de posse a data de 6 de fevereiro de 1870.

A Sociedade, criada no dia 8 de dezembro deste ano, era composta por cidadãos ilustres da Vila. Na época, o movimento abolicionista tomava conta do Brasil e Redenção foi a primeira a libertar seus escravos, o que aconteceu no dia 1º de janeiro, quando chegavam à então Vila, os ilustres abolicionistas José Liberato Barroso, General Antônio Tibúrcio, Padre Guerra, Justiniano de Serpa, José do Patrocínio e João Cordeiro, a fim de presenciarem a tão sonhada alforria dos 116 escravos da Vila.

redenção escadaria

Em 18 de março de 1842,  através de Ato Provincial desta data, passou a ser distrito policial de Acarape. E em 21 de agosto de 1871 teve a criação da primeira Câmara Municipal de Redenção.


 

Serviços Públicos

Prefeitura Municipal de Redenção

Rua Padre Ângelo, 305 A – Centro
Cep: 62790-000
Tel: +55 (85) 3332.1258 / Fax: +55 (85) 3332.2039
Site da Prefeitura

 

Posto de Saúde
Rua Santos Dumont, 586
Tel: +55(85) 3332-1432
Serviços: vacinação; exames e controle de hipertensão, colesterol e diabetes; atendimento ambulatorial; farmácia; dentista; controle de doenças infectocontagiosas; especialidades: cardiologista e ultrassonografia.
Funcionamento: 7h às 17h

Hospital e Maternidade Paulo Sarasate
Rua Tenente Eilson, 48
Tel: +55(85) 3332-2292
Serviços e horário de funcionamento: Consultas particulares com especialistas; clínico geral às terças e quintas (7h30 às 12h); oftalmologistas, dermatologista, urologista, cirurgia plástica e nutricionista uma vez por mês, cada; realização de exames laboratoriais (7h30 às 11h); marcação de exames (7h30 às 16h); Raio-X (diariamente das 8h às 12h); Emergência 24h.

Agência dos Correios
Rua Joaquim José da Silva, 820
Tel: +55 (85) 3332-1631
Serviços: Prestação de serviço postal, pagamentos recebíveis, encomendas.
Funcionamento: 8h às 12h e 14h às 16h

Rodoviária – Agencia Fretcar
Rua Tenente Wilson, s/n – Centro
Tel: +55(85) 9667-2332
Funcionamento: 6h às 18h

Polícia Militar
Rua Contorno Sul, s/n – Conjunto Antônio Bonfim
Tel: +55(85) 3332-1177 / CIOPS: 190
Funcionamento: 24h

Delegacia de Policia Civil
Rua Padre Barros, 66 – Centro
Tel: +55(85) 3332-2651
Funcionamento: 8h às 17h

Banco do Brasil
Rua Padre Ângelo, s/n – Centro
Tel: +55(85) 3332-1233
Funcionamento: 10h às 15h (horário de Brasília) – Autoatendimento: 8h às 18h (Horário de Brasília)

Banco Bradesco
Rua Marechal Deodoro, s/n
Tel: +55(85) 3332-1366 / 3332-1217
Funcionamento: 9h às 14h

Caixa Econômica Federal – Agência Abolição
Rua José Costa Ribeiro, 102 – Centro
Tel: +55(85) 3332-2179 / 3332-2172
Funcionamento: 10h às 15h – Autoatendimento: 6h às 22h

Pousada Santa Rita
Rua Padre Barros, 347 – Centro
Tel: +55(85) 3332-1061 / 8746-5609 (Lúcia)
Atendimento: 7h às 11h e 14h às 19h

Pousada Renascer
Rua Padre Barros, 355 – Centro
Tel: +55(85) 3332-1528
Atendimento: 7h às 22h