Matemática – Licenciatura

Turno: Integral (Matutino e Vespertino)
Regime: Semestral
Duração: 9 semestres
Grau: Licenciado
Vagas: 50
Entradas: uma por ano
Campo de atuação: Magistério da Educação Básica
Carga horária total do Curso: 3.590 horas, distribuídas da seguinte forma:

a) 2.225 horas correspondente às componentes curriculares de natureza Científico-cultural;
b) 400 horas correspondente às práticas como componentes curriculares;
c) 405 horas correspondente ao estágio curricular supervisionado;
d) 200 horas correspondente às Atividades Complementares;
e) 360 horas dedicadas à atividades de extensão

Formas de ingresso: SISU (brasileiros) e PSEE (estrangeiros)


PERFIL DO EGRESSO

O perfil profissional do egresso baseia-se na concepção de um profissional docente em processo de formação contínua, com capacidade de refletir, analisar e ressignificar sua ação pedagógica, em uma perspectiva crítica e compromissada na busca de emancipação profissional e humana. Nesta perspectiva, o perfil esperado para a identidade docente coaduna-se com as seguintes características:
a) construir a visão de que os conhecimentos propostos podem e devem ser acessíveis a todos e desenvolver a consciência do seu papel na superação dos preconceitos traduzidos pela angústia, inércia ou rejeição no ensino-aprendizagem da disciplina;
b) buscar o domínio sólido dos conteúdos matemáticos relevantes para o processo ensino-aprendizagem e saber traduzi-los em objetivos didáticos a partir da construção de modelos matemáticos que permitam a resolução de situações-problema relacionadas ao cotidiano do aluno;

c) propiciar situações de ensino-aprendizagem aos educandos, nas quais o ensino da Matemática seja um contributo para o exercício da cidadania;
d) fazer escolhas didáticas e estabelecer metas que promovam a aprendizagem e o desenvolvimentos dos alunos respeitando suas características pessoais e as diferenças de situação de origem étnica, econômica, religiosa e de gênero, atuando contra qualquer tipo de discriminação e exclusão.

OBJETIVOS DO CURSO

a) Formar docentes críticos, criativos e reflexivos para atuar nos ensinos Fundamental e Médio;
b) Motivar a iniciação à pesquisa e difusão do conhecimento, bem como a participação em programas e projetos de Extensão relacionados à área de Matemática;
c) Contribuir para a formação de um profissional capaz de elaborar e desenvolver projetos de estudo e trabalho, empenhados em compartilhar a práxis e produzir coletivamente;
d) Qualificar profissionais para contribuir em debates interdisciplinares e atuar para além do contexto escolar e em diferentes setores da sociedade;
e) Formar um profissional do ensino, educador e pesquisador, empenhado em indagar e reconhecer o sentido e o significado do trabalho docente, com uma compreensão ampla do fenômeno e da práxis educativa;
f) Contribuir para a formação de um profissional protagonista do próprio processo formativo e em permanente busca pela emancipação humana;
g) Fomentar um ambiente de sala de aula democrático e pluralista, fundamentado na dialogicidade, respeito e confiança recíprocos, propiciando uma interação entre todos os agentes educacionais;
h) Propiciar o conhecimento dos conteúdos gerais e específicos da Matemática e permitir a socialização dos saberes e práticas adequando-os às atividades escolares em diferentes níveis e modalidades da educação básica, construindo e integrando-se ao projeto políticopedagógico da escola em uma perspectiva inter/transdisciplinar;
i) Assegurar o conhecimento e a aplicação do conjunto de competências de natureza humana, político-social e técnico-instrumental, privilegiando o saber em suas amplas
dimensões.
j) Formar sujeitos que sabem planejar, executar, dirigir, supervisionar e avaliar atividades relativas às práticas docentes, no contexto escolar, intervindo de forma dinâmica.


PROJETO POLÍTICO-PEDAGÓGICO DO CURSO – REGIME SEMESTRAL

RESOLUÇÃO DE CRIAÇÃO DO CURSO

DISCIPLINAS QUE COMPÕEM A GRADE CURRICULAR

OFERTA DE DISCIPLINAS – SEMESTRE LETIVO 2018.2

CORPO DOCENTE – CURSO DE MATEMÁTICA

RECURSOS DISPONÍVEIS (ESTRUTURA FÍSICA | TRANSPORTE | MATERIAIS PARA AULAS)

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO


FORMULÁRIOS E REQUERIMENTOS

Formulário – Aproveitamento de Disciplinas

Requerimento – Ajuste de Matrícula

Requerimento – Matrícula em TCC

Requerimento – Segunda Chamada (Avaliação)


ATAS

Colegiado do Curso de Matemática

Núcleo Docente Estruturante – NDE – Matemática

Comissão Própria de Avaliação – CPA

RESOLUÇÕES CONSUNI

RESOLUÇÃO Nº 31/2018 – Reedita, com alterações, ad referendum do Conselho Universitário, a Resolução Nº 28/2016/CONSUNI, de 02 de setembro de 2016, que aprovou ad referendum o Projeto Pedagógico do Curso de Graduação em Matemática Licenciatura, regime semestral, da Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (UNILAB).

RESOLUÇÃO Nº 30/2013 – Normatiza os procedimentos relativos à matricula dos estudantes de graduação.

RESOLUÇÃO Nº 27/2014 – Dispõe sobre normas gerais para regulamentar a Avaliação da aprendizagem dos cursos de graduação.

RESOLUÇÃO Nº 15/2017 – Reedita, com alterações, a Resolução nº 15/2016/CONSUNI, que institui e regulamenta o Estágio Supervisionado nos Cursos de Graduação presencial da Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira – Unilab.

RESOLUÇÃO Nº 11/2017 – Reedita, com alterações, a Resolução nº 14/2016/CONSUNI, que estabelece as normas gerais para a elaboração dos Trabalhos de Conclusão de Curso para graduação na Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira – Unilab.

RESOLUÇÃO Nº 20/2015 – Altera parcialmente a resolução Nº 24/2011, de 11 de novembro de 2011, que dispõe sobre normas gerais para as Atividades Complementares dos cursos de Graduação da UNILAB.

RESOLUÇÃO Nº 001-B/2015 – Altera a Resolução nº 008/2014, de 23 de abril de 2014, que regulamentou o Programa de Assistência ao Estudante (PAES) da Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab).

RESOLUÇÃO Nº 007/2014 – Altera Ad Referendum a RESOLUÇÃO Nº 013/2013, de 06 de agosto de 2013, que dispõe sobre a criação do Programa de Apoio à Participação de discentes de cursos presenciais de graduação em Eventos Científicos, Tecnológicos, Esportivos, Culturais e de organização estudantil realizados no Brasil e em território estrangeiro.

RESOLUÇÃO Nº 17/2013 – Dispõe sobre regulamentação das normas para realização de visitas de campo.

RESOLUÇÃO Nº 22/2011 – Dispõe sobre a adoção do Exame Nacional do Ensino Médio – ENEM e sobre o ingresso no Sistema de Seleção Unificada SiSU/MEC, para seleção e ocupação das vagas dos cursos de graduação disponibilizadas pela Unilab e dá outras providências.

RESOLUÇÃO Nº 05/2018 – Estabelece procedimentos relacionados à preparação, processamento e efetivação do Exame Nacional de Desempenho de Estudantes – Enade da Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira – Unilab.

RESOLUÇÃO N° 08/2017/CONSUNI – Aprova o Regimento Geral da Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab).
ANEXO Resolução nº 08/2017 – Regimento Geral da Unilab

RESOLUÇÃO COMPLEMENTAR Nº 01/2018 – Aprova o texto definitivo do novo Estatuto da Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab) e revoga as resoluções números 42/2016, 33/2017 e 34/2017.
ANEXO Resolução Complementar Nº 01/2018 – Estatuto da Unilab


COORDENAÇÃO DO CURSO DE LICENCIATURA EM MATEMÁTICA

Endereço de Funcionamento do Curso:

Campus das Auroras: Rua José Franco de Oliveira, s/n. CEP.: 62790-970 –
Bloco B, Sala 224 (Secretaria) e Sala 327 (Coordenação) – Redenção/CE

E-mail da Coordenação: c.matematica@unilab.edu.br
Telefone: (85) 3332.6294

Contatos:
Danila Fernandes Tavares (Coordenadora do Curso)
João Francisco da Silva Filho (Vice-coordenador do Curso)
Francisco Augusto Lima Filho (Assistente em Administração)
E-mail Institucional: augustolima@unilab.edu.br
Francisca Andréia Silva Lima (Assistente de Apoio à Gestão)
E-mail Institucional: andreialima@unilab.edu.br