Representante da UFMT colabora com o Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI) da Unilab

Maria Salete Ferraz, procuradora educacional institucional da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT)

A procuradora educacional institucional da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), Maria Salete Ferraz, esteve, no decorrer desta semana, no Campus da Liberdade para realizar oficinas de estruturação do Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI) da Unilab, além de discutir a implantação da Comissão Permanente de Avaliação (CPA) da universidade. O PDI consiste num documento em que se definem a missão da instituição de ensino superior e as estratégias para atingir suas metas e objetivos, em um período de cinco anos. O conteúdo contempla o cronograma e a metodologia de implementação dos objetivos, metas e ações do Plano da IES.

Segundo a procuradora, o documento deve estar pronto no primeiro semestre do próximo ano, quando o Ministério da Educação (MEC) irá avaliar os cursos. “Com esse plano, o MEC vai saber qual é projeção da universidade para os próximos cinco anos. Agora é hora de colocar no papel os sonhos e os planos que a comunidade acadêmica deseja executar aqui, nas diversas áreas, como graduação, pós-graduação, relação com a sociedade civil, dentre outras”. Sobre os momentos de discussão na Unilab, ela avaliou: “foi muito bom estar aqui e conhecer o espírito e a filosofia da universidade. Estou a disposição para contribuir com a Unilab”.

Fernanda Linard

A coordenadora de Planejamento, Fernanda Linard, participou das oficinas e falou sobre os desafios da construção coletiva deste plano. “O primeiro semestre de 2013 será intenso, com muitas atividades. O próximo passo é buscar junto com as pró-reitorias as informações necessárias para a constituição do plano. É um momento para coletar e revisar os objetivos institucionais já traçados. Todas as pessoas de todos os setores terão a oportunidade de propor os sonhos que querem para a instituição”, esclareceu.

 

Comentários encerrados.