Reitora Nilma Gomes lança novo livro de literatura infantil

A reitora da Unilab, Nilma Gomes, vai lançar o segundo livro de literatura infantil de autoria dela. O título da obra é “O menino coração de tambor”, com ilustrações de Mauricio Negro (Mazza Edições). A cerimônia de lançamento e noite de autógrafos serão nesta quinta-feira (16), às 19h30, no Florest Hall, em Belo Horizonte, Minas Gerais. O livro é uma homenagem ao bailarino Evandro Passos. Na oportunidade também serão comemorados os 32 anos da Mazza Edições. Informações: (31) 3481-0591.

O menino coração de tambor_CAPA

“O menino coração de tambor” – Sinopse

Era uma vez um professor de dança afro-brasileira, bailarino e coreógrafo. Evandro Passos é seu nome e sua arte já se revelava quando ele ainda estava na barriga de Dona  Conceição, lá em Diamantina, uma das cidades mais musicais de Minas Gerais. Com delicadeza, Nilma Lino Gomes nos presenteia com o nascimento de “O menino coração de tambor”, cujo coração compassava as notas musicais de qualquer ritmo que ele ouvia. Siga os sons dos tambores deste menino e conheça uma parte da história de quem tem ritmo, música, movimento e arte correndo nas veias e pulsando em sua vida.

A reitora da Unilab também é autora do livro infanto-juvenil “Betina”, lançado em 2009 pela Mazza Edições com ilustrações de Denise Nascimento.

Betina

“Betina” – sinopse

Sobre a cabeça que pensa e recorda nada melhor que colocar tranças. O penteado requer mãos habilidosas e uma grande alegria de reafirmar valores ancestrais. Com esses elementos, é possível entrelaçar cabelos e aproximar cabeças que pensando juntas pensam muito melhor. A lição do penteado, Betina aprendeu da amorosa avó e a avó aprendeu com a mãe dela que aprendeu com outra mãe que tinha aprendido com uma tia. Só que Betina foi além e espalhou a lição para filhas e filhos, mães e avós que não eram os dela. Ela abriu um salão de beleza diferente e ficou conhecida em vários lugares do país. Mas Nilma Lino Gomes tem muito mais detalhes deliciosos dessa linda história.

Comentários encerrados.