Pró-reitores acolhem os novos estudantes estrangeiros e brasileiros da Unilab

Pró-reitores da Unilab participam da abertura do Samba

Pró-reitores da Unilab participam da abertura do Samba

Novos estudantes brasileiros e estrangeiros chegaram para estudar na Unilab. E, nesta segunda-feira (25), tiveram a oportunidade de vivenciar o primeiro dia numa universidade que tem como características diferenciadas a interiorização e internacionalização do Ensino Superior no Brasil, uma vez que congrega alunos das Comunidades dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) e de outras cidades do Brasil.

Para dar boas-vindas aos calouros e, ao mesmo tempo, apresentar o funcionamento da estrutura acadêmica, foi organizado o Seminário de Ambientação Acadêmica (Samba).

DSC_0060

Abertura do Seminário de Ambientação Acadêmica (Samba) ocorreu no anfiteatro do Campus da Liberdade.

A abertura da programação do Samba ocorreu às 10h, no Anfiteatro do Campus da Liberdade, em Redenção/CE, e contou com a participação da pró-reitora de Graduação, no exercício do reitorado, Andréa Linard; do pró-reitor de Políticas Afirmativas e Estudantis (Propae), Alexandre Cunha; do pró-reitor de Planejamento, Plínio Nogueira; e da assistente social Socorro Maciel.

A avaliação positiva do Ministério da Educação (MEC) para os cursos de bacharelado e licenciatura da Unilab e a expansão da estrutura acadêmica foram alguns dos pontos destacados pelos pró-reitores presentes à cerimônia de abertura do Samba.

“A nossa universidade está em fase de consolidação e em pleno desenvolvimento das suas atividades de Ensino, Pesquisa e Extensão. Vocês [calouros] irão encontrar um ambiente propício ao desenvolvimento pessoal e profissional. Então, aproveitem. Minha dica é: estudem, estudem e estudem”, enfatizou Alexandre Cunha.

Novos estudantes ingressam na Unilab

Novos estudantes ingressam na Unilab

Em seguida, os tutores do Programa de Acolhimento e Integração de Estudantes Estrangeiros (Paie) deram boas-vindas aos colegas. “A vossa presença é muito importante para nós. Estamos felizes por tê-los conosco como colegas. Juntos estaremos construindo um novo futuro”, ressaltou a tutora e estudante de Letras Marlene José, timorense, acrescentando: “Desejamos que o trimestre letivo seja muito produtivo e, nessa caminhada em busca de conhecimento e saber, podem contar com a nossa colaboração”.

O Samba continua

No segundo dia do Samba (24), os estudantes farão passeio nos campi da Unilab e conhecerão pontos turísticos da região do Maciço de Baturité – onde a universidade está instalada no Ceará. A partir das 15h, a professora Clébia Freitas apresentará fotos do Maciço, no Anfiteatro. O dia se encerra com a roda de cultura de artesanato.

A manhã do terceiro dia será marcada por apresentações da Pró-Reitoria de Extensão (Proex), da Incubadora Tecnológica de Economia Solidária (Intesol), da Pró-Reitoria de Relações Institucionais (Proinst), da Coordenação de Bem-Estar e Saúde (Cosbem), da Pró-Reitoria de Administração (Proad) e da Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação (Proppg). À tarde, os estudantes serão brindados com muita arte: a exposição de fotografias “Olhares e Lugares”, apresentação do grupo de rapper, roda de cultura com artesanato, roda de capoeira e roda de cultura gastronômica.

No Campus dos Malês, a programação começa nesta terça-feira (24), às 13h30, com acolhida e boas-vindas da direção do campus, da Propae e da prefeitura de São Francisco do Conde. Logo após, ocorre a mesa-redonda “Olhares sobre a Unilab” e apresentação musical com o grupo de hip hop “Bota a fala”.

O segundo dia da programação terá almoço multicultural e apresentação dos serviços diretamente voltados aos estudantes, pela Propae e Proinst, bem como do Centro Acadêmico de Humanidades, Associação Africanos e representação estudantil do curso de Letras. Haverá ainda sorteio de livros, apresentação dos cursos e momento cultural.

A programação do terceiro dia inclui almoço multicultural, a segunda parte da apresentação dos serviços voltados aos estudantes – com a Cosbem, Proex, Pró-Reitoria de Graduação (Prograd), Diretoria de Registro e Controle Acadêmico (DRCA) e biblioteca –, sorteio de livros e a peça teatral “Memórias em cena”, do grupo Bejimirô.
No último dia do Samba nos Malês, os estudantes farão passeios guiados pelo município de São Francisco do Conde.

Confira a programação detalhada:

Campus da Liberdade – Ceará
Campus dos Malês – Bahia

Comentários encerrados.