Estudante angolano realiza a primeira defesa de TCC do Instituto de Ciências Exatas e da Natureza

Pereira Domingos, oriundo de Angola, é o primeiro aluno a defender TCC no ICEN.

Na última terça-feira (27) aconteceu a primeira apresentação e defesa do Trabalho de Conclusão de Curso (TCC), do Instituto Ciências Exatas e da Natureza (ICEN). E Pereira Domingos Panzo, oriundo de Angola, foi o primeiro aluno do curso de Ciências da Natureza e Matemática a defender essa monografia, intitulada “Água Condensada Por Aparelhos de Ar Condicionados Da Unilab: Caracterização Físico-Química e Reaproveitamento”.

O trabalho teve a orientação da profa. Lívia Dias Ribeiro. Já a banca examinadora foi composta além da orientadora, pelas professoras Eveline de Abreu (ICEN) e Maria Cristiane Martins (IEDS).

“A conclusão de qualquer fase da vida gera bastante emoção. Participar desse momento com o estudante Pereira Domingos é uma grande honra. Ele demostrou durante todo o desenvolvimento do projeto independência, intensa vontade de aprender e de se aperfeiçoar como profissional”, destacou a orientadora.
O estudante Pereira Domingos ao lado da orientadora Lívia Dias (à direita) e das professoras que fizeram parte da banca examinadora.

O estudante Pereira Domingos ao lado da orientadora Lívia Dias (à direita) e das professoras que fizeram parte da banca examinadora.

 Para a profa. Lívia Dias fazer parte desse processo de formação de recursos humanos qualificados é bastante gratificante. “Estamos contribuindo para a formação dos futuros profissionais brasileiros, africanos e timorenses, os quais com toda com certeza contribuirão com o crescimento dos seus respectivos países”, concluiu.

A aprovação foi com louvor, com nota máxima, pelo desempenho durante o desenvolvimento do seu trabalho e pela relevância dos seus resultados e proposta de utilização das águas condensadas por aparelhos de ar condicionados na Unilab.

“Essa trajetória foi ímpar e não poderia deixar de estar muito feliz, primeiro pelo registro e memória da difícil trajetória, e por ser a primeira defesa de TCC do ICEN. Para mim ser o primeiro estudante da primeira seleção da Unilab (2011.1) a defender o TCC, e ser um referencial histórico para o instituto é uma honra. Sinto-me muito satisfeito de fazer parte desse momento histórico para a instituição”, ressaltou Pereira.

 

Comentários encerrados.