Unilab confere grau à sua primeira turma de Administração Pública

DSC_0046

Foto: Mesa de Honra | Colação de Grau

Após 5 anos de atividades, a Unilab realizou, na última sexta-feira (26) a graduação da “Turma Bresser Pereira”, primeira turma do curso de Bacharelado em Administração Pública, na modalidade presencial, no Auditório do bloco didático do Campus da Liberdade, Redenção/CE. Colaram grau nove formandos provenientes de municípios do Maciço de Baturité, uma proveniente de Cabo Verde e outro de Guiné-Bissau, que estavam acompanhados de padrinhos, familiares e colegas.

A cerimônia foi presidida pelo reitor pro tempore da Unilab, professor Tomaz Santos, que esteve ladeado na mesa de honra pela pró-reitora de Graduação, Andrea Linard; pelo pró-reitor de Políticas Afirmativas e Estudantis, Alexandre Costa, que representou no ato o vice-reitor pro tempore, Aristeu Lima; pela diretora do Instituto de Ciências Sociais Aplicadas, Rosalina Tavares; pelo coordenador do curso de Bacharelado em Administração Pública, modalidade presencial, João Coelho Neto; pela paraninfa da turma e diretora de Educação Aberta e a Distância, Maria Aparecida da Silva; e pelo professor Alexandre Lima, coordenador do curso na modalidade a distância, representando a patrona da turma de formandos, Vilma Faria.

DSC_0149

Representando os formandos, o guineense Edgar Djú lembrou a todos o quão árduo foi a conquista desta etapa. “Depois de cinco anos de luta, chegou o dia. Devemos lembrar que esta conquista nos custou suor e choros, o preço de ser pioneiros. Deixei a minha família, a minha cidade, deixei o meu país, atravessei o Atlântico, sofri e chorei de saudades, mas consegui”, conclui.

DSC_0081

A concludente Ana Lia da Silva também recorda os desafios enfrentados ao longo do curso. “Foram muitos obstáculos, principalmente por ser a primeira turma. Enquanto a Unilab estava sendo criada, a turma surgia com seus problemas. Mas junto aos professores e aos demais estudantes, trabalhando juntos, conseguimos! Estamos aqui!”, contou, destacando também a realização pessoal com a graduação. “Venho de uma família carente de uma dona de casa e um servente de pedreiro e é uma honra e alegria me formar numa universidade federal”, acrescenta.

Segundo o coordenador do curso de Administração Pública, João Coelho, “este é um momento muito especial, pois é uma oportunidade que se dá principalmente neste tempo tão conturbado. O serviço público está precisando deles, e eles estão prontos e preparados para isto!”, declarou, referindo-se à atual crise política no Brasil.

Entre os pais que, emocionados, acompanhavam a titulação dos filhos, estava a moradora do município de Aracoiaba/CE, Antônia Lucineide, mãe do formando José Wátila de Oliveira, “Ele merece esta conquista cheia de muita emoção. Não pensa em parar, quer trabalhar na área e continuar estudando, enquanto as outras filhas também desejam alcançar este sonho, vindo estudar na Unilab”, disse, orgulhosa.

DSC_0174

Foto: Paraninfa da turma, Professora Maria Aparecida

Com base nos ensinamentos do Planejamento Estratégico, a paraninfa da turma, professora Maria Aparecida, propôs aos novos bacharéis uma reflexão sobre missão, visão e valores para suas vidas. A patrona da turma, professora Vilma Faria, não pôde estar presente, mas enviou um vídeo com mensagem de congratulação aos concludentes.

O reitor, Tomaz Santos, encerrou a cerimônia dirigindo-se aos novos bacharéis. “Esta vitória é de toda a Unilab. Vitoriosos são principalmente vocês pela decisão de deixarem suas casas, seu país, para essa venturosa jornada acadêmica transatlântica. Desejo a todos e a cada um dos novos administradores públicos que sejam bem-sucedidos no serviço que prestarão às sociedades e aos Estados da CPLP e do Brasil”, declarou.

DSC_0068

Foto: Turma “Bresser Pereira”

A turma prestou homenagem ao diretor de Registro e Controle Acadêmico, Fábio Paulino, pelo trabalho de crescimento e consolidação durantes os anos prestados à Unilab.

O curso de Bacharelado em Administração Pública
Criado pela Resolução nº 04 do Conselho Universitário, de 18 de novembro de 2010, é um curso ligado ao Instituto de Ciências Sociais Aplicadas. Nele atua um corpo docente com 17 professores efetivos e dois substitutos, entre doutores e mestres, e apresenta uma carga horária de 3.080 horas, com oferta de 80 vagas anuais, segundo consta no Projeto Político do Curso (PPC). Atualmente, o curso totaliza 345 estudantes matriculados regularmente e, no final de 2014, recebeu nota avaliativa de reconhecimento de curso 4,0, com perfil “Muito bom” de qualidade concedida pelo Ministério da Educação (MEC).

Outras fotos, siga-nos pelo Facebook (@unilaboficial)

BOTAO-AVALIE

Comentários encerrados.