II Ciranda da Criança Paulo Freire da Unilab: as artes do fazer na escola” acontece a partir dessa quinta-feira (5)

ii-ciranda-da-crianca_logo_1

O Projeto “Afrodita”: a arte e o brincar e a formação do arte-educador intercultural – Ano III, em parceria com a Pró-Reitoria de Extensão, Arte e Cultura (Proex), CIM-CIADE/Propae, EARTI, LIFE, PIBID e Prodocência, através da articulação de arte, cultura e diversidade, apresenta a “II Ciranda da Criança Paulo Freire: as artes do fazer na escola”.

A ‘II Ciranda da Criança Paulo Freire da Unilab: as artes do fazer na escola’ dá início às suas atividades educativas e interculturais, a partir dessa quinta-feira (5) até o dia 27. A programação atenderá as crianças pequenas e grandes, entre adultos e idosos do Maciço de Baturité e nos municípios de Fortaleza, Pacatuba e Horizonte/CE.

Além de expandir os câmbios entre cidade e campo, a II Ciranda também contará com a exposição de fotografia do “Fazeres docentes”, que refletirá sobre o trabalho docente na Unilab, seus movimentos, práticas pedagógicas descolonizadoras e interculturais.

A ação conta com a parceria dos projetos: Quarta Cultural Maciço de Arte, África Pequenas do Joá, IndependênciaS, Prodocência e do Neart.

Durante a programação teremos visitas à exposição de artistas cearenses, oficinas de trabalhos manuais e instrumentos artísticos artesanais, rodas de conversa e apresentações artísticas, que vão promover ações de arte na educação de crianças, jovens e adultos com brincadeiras, jogos, danças, rituais, seminários e outros.

Nesta edição elegemos as artes do fazer na escola ao destacar a Lei 13.278/2016, recentemente aprovada, que inclui as artes visuais, a dança, a música e o teatro nos currículos dos diversos níveis da educação básica.

O mestre Paulo Freire, será homenageado por sua valorosa contribuição na formação de seres humanos livres, sejam pais, educadores, entre outros, de que a leitura do mundo, das artes de brincar e de ser humano precedem e qualificam a leitura da palavra.

A ação também incentiva o brincar livre das crianças em espaços, como a praça, em sintonia com o ciclo da natureza ao fortalecer a ideia de que a primavera é tempo de florir e que as crianças não são mercadorias. E, “como o jardineiro prepara o jardim para a rosa que se abrirá na primavera”, é preciso cuidar da infância e das artes do brincar, das artes do fazer e do viver com arte na escola.

“Brincar com crianças não é perder tempo, é ganhá-lo” (Drummond).

As atividades têm vagas limitadas, faça logo a sua inscrição.
II Ciranda – II Semana da Criança Paulo Freire – Artes do fazer na Escola

Oficinas e visitas guiadas:

Dia 07/10 – Visita guiada `Fundação Acauã – Itaitinga (Ong que atua com fazeres artísticos) – inscrição na recepção do Campus da Liberdade, Redenção/CE, até sexta-feira (7) as 10 horas.

Dia 10/10 – Oficina Fazer com feltro, fazer sentido – Símbolos Adinkas – com Artesã Glícia Maia – MIH

Dia 13/10 – Visita guiada à Escola Waldrof Micael – Fortaleza (projeto pedagógico de arte educação na educação infantil e fundamental – inscrição na recepção do Campus da Liberdade, Redenção/CE, até sexta-feira (7) as 10 horas.

Dia 24/10 – Visita guiada Fazeres de artistas nordestinos/as – ao Museu de Arte Contemporânea – MAUC/UFC

Dia 27/10 – Visita guiada Fazeres de artistas nordestinos/as- ao Museu de Arte Contemporânea – MAUC/UFC

Confira a Programação aqui.

Download (PDF, 1.18MB)

BOTAO-AVALIE

 

Comentários encerrados.