Roda de conversa debate História Local, Patrimônio e Ensino a partir da experiência do Ecomuseu de Pacoti/CE

O Grupo de Pesquisa – Trabalho Cultura e Migrações no Ceará (CNPq/Unilab) realiza, no próximo dia 14, a roda de conversa “História Local, Patrimônio e Ensino: o Ecomuseu de Pacoti”. O evento conta com a participação do pesquisador Levi Jucá, professor da rede pública estadual e idealizador do projeto “Jovem Explorador e o Ecomuseu”, e acontece às 18h30, no auditório do Bloco Administrativo do Campus da Liberdade, em Redenção/CE.

O debate pretende apresentar experiências inovadoras na articulação de práticas de pesquisa, ensino e extensão, tratando como ponto de partida a trajetória do Ecomuseu de Pacoti na área de educação patrimonial, pesquisa sobre a história local e constituição de acervos.

O Grupo de Pesquisa – Trabalho Cultura e Migrações no Ceará (CNPq/Unilab) é coordenado pelos professores Edson Holanda e Rafael Scheffer, do Instituto de Humanidades e Letras (IHL) da Unilab.

Sobre o Projeto Jovem Explorador e o Ecomuseu de Pacoti

Nas aulas de História do professor Levi Jucá, estudantes da Escola de Ensino Médio Menezes Pimentel, em Pacoti, puderam descobrir mais sobre a cultura e a natureza da cidade e região em que moram. Os discentes foram convidados a viajar para o período de 1859 a 1861, época em que passou pelo Ceará a “Comissão das Borboletas”, uma comissão científica de exploração, a mando de Dom Pedro II, com objetivo de conhecer e documentar as potencialidades locais.

Coordenados pelo professor Levi Jucá, os estudantes decidiram recriar os passos da comissão, visando, em perspectiva interdisciplinar, pesquisar e compartilhar com a comunidade informações históricas, culturais, sociais, ambientais e as memórias de Pacoti. Nascia assim, em 2014, o projeto “Jovem Explorador e o Ecomuseu”.

Desde então, o Ecomuseu de Pacoti vem conquistando visibilidade e reconhecimento:

– Vencedor do Concurso Desafio Criativos da Escola 2015 – Instituto Alana – São Paulo – SP;
– 1º Lugar no VI Prêmio Ibero-Americano de Educação e Museus (2015), Programa Ibermuseus – Brasília – DF;
– 1º Lugar nas Feiras Regional e Estadual de Ciências e Cultura da Secretaria de Educação do Estado do Ceará, Categoria Ciências Humanas (2015).

Atualmente, o Ecomuseu de Pacoti funciona através de parceria com a Universidade Estadual do Ceará (Campus Experimental de Educação Ambiental e Ecologia da Uece).

Sobre Levi Jucá

Licenciado em História pela Universidade Federal do Ceará (UFC), mestrando em História pela Universidade Estadual do Ceará (Uece), Levi Jucá é professor efetivo de História e Filosofia da rede pública estadual cearense na Escola de Ensino Médio Menezes Pimentel (Seduc/CE). Também é coordenador da Comissão Especial de Arquivos Municipais, da Associação dos Arquivistas do Estado do Ceará -Arquive-CE. Tem experiência na área de Arquivologia, com ênfase em Gestão de Arquivos Públicos Municipais e em Educação Patrimonial. Em 2014, lançou, pela Editora Premius, o livro “Pacoti: História & Memória”.

Comentários encerrados.