Projetos de extensão da Unilab promovem atividades da Língua Francesa nesta sexta-feira (20)

Os projetos de extensão “Clube de Français: Francophonie á l´Unilab” e “Idiomas sem Fronteiras” promovem as atividade de atelier de música francesa e palestra temática, nesta sexta-feira (20), a partir das 16h, no Auditório do Bloco Administrativo, no Campus da Liberdade, em Redenção/CE.

A atividade musical traz alguns hits da música francesa em torno dos 5 continentes. Com um viés geopolítico e cultural, a ideia é trabalhar a música desde o seu videoclip até a letra, explorando recursos pedagógicos que convidam o participante a aguçar suas competências linguísticas.

A palestra sobre “Francofonia para quem: a língua francesa que (não) conhecemos” será ministrada a partir das 18h30 pelo professor convidado e tradutor, Bruno Buani.

A nomenclatura “Francofonia” é o termo cunhado para designar esta relação de não-identificação com a língua e a cultura do outro. É uma comunidade de falantes que codividem a mesma língua, mas não o mesmo sotaque, a mesma renda, a mesma pele. Esquecemo-nos, contudo, que ao lado do símbolo da cultura francesa mais conhecido no mundo, a Tour Eiffel, há um francês multilíngue e plural: o dos sotaques, o das peles, o dos corpos em movimentos, dos amores.

Sobre o palestrante

Bruno Buani é diretor e fundador da consultoria de língua e cultura francesa “SP FRANCÓFONA”. É graduado e pós-graduado em Letras e Pedagogia no Brasil e na França, estuda temas como Migração e Francofonia. Autor de projetos sociais nesta área como REversos, em parceria com a Fundação Casa. Além disso, é professor, tradutor e palestrante, viajando pelo Brasil a fim de difundir a cultura francófona.

O projeto “Club de Français: Francophonie à l´Unilab” está vinculado ao Programa Institucional de Bolsas de Extensão de Línguas Estrangeiras e Portuguesa (Pibelpe) e coordenado pela professora do Instituto de Humanidades e Letras (IHL), Meire Cabral.

Comentários encerrados.