Simpósio Luar Moçambique comemora a independência do país, em 26 de junho

Com painéis abrigados em eixos temáticos variados, no próximo dia 26 ocorre o Simpósio Luar Moçambique, no Campus da Liberdade, em Redenção/CE. Inscreva-se neste link.

“Enquanto que em solo pátrio da terra do Malangatana, da Lurdes Mutola e da Renata Sadimba se celebrará a passagem de mais um ano após a proclamação da independência colonial com a inauguração da moderníssima ponte sobre o mar em uma das suas belas baías, na Unilab terá o seu auge com a realização do simpósio ‘Luar Moçambique’”, celebram os organizadores.

Os estudantes e professores envolvidos na organização do evento destacam a extensão e densidade do país, “de constituição natural altamente rica, relativamente avantajada na região e bem influente na mesma, (…) recursos diversificados e superimportantes para a humanidade e a ciência”.

Programação

Toda a programação ocorre no auditório do bloco didático. O credenciamento dos participantes começa às 8 horas, em seguida haverá apresentação cultural do grupo Pérolas do Índico às 9h e apresentação do Comitê de Honra do Simpósio, Associação dos Estudantes Moçambicanos na Unilab e da Associação dos Moçambicanos no Brasil.

A partir das 9h30 serão apresentados, sob o eixo temático “Estrutura social e político-administrativa de Moçambique”, os painéis “Moçambique, nação multiétnica, multilinguística e multicultura”, com os professores Carlos Subuhana, Luís Tomás e Izabel dos Santos; “Moçambique, Estado unitário, de direito democrático, uno e indivisível”, com o mestrando Bitone Viagem; e a comunicação “O processo decisório em Moçambique: o poder local e o seu funcionamento nos níveis mais baixos do Estado na chamada Pérola do Índico”, com a estudante Tatiana dos Santos.

Já pela tarde, o eixo temático “Riquezas naturais de Moçambique” traz os painéis “Moçambique, pátria agrícola, da flora e de recursos faunísticos e marítimos” e “Moçambique, a pátria mineral, de minérios e de recursos energéticos”. As exposições começam às 13h45 e estão a cargo do professor Francisco Nildo e da Associação dos Moçambicanos no Brasil e dos mestrandos Bitone Viagem e Shakil Ribeiro, respectivamente.

Às 15h começam os painéis do eixo temático “Oportunidades de e/ou em Moçambique”, intitulados “Moçambique, pátria em real ascensão” e “Moçambique, perfeito e rico objeto de estudos para a ciência”.

Por fim, o eixo temático “A política externa de Moçambique” traz o painel “Moçambique na diplomacia e política exterior”, às 16h. A cerimônia de encerramento do Simpósio Luar Moçambique ocorre às 16h50.

Confira todos os detalhes da programação.

Comentários encerrados.