Unilab tem 816 vagas para estudantes internacionais

A Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab) lançou edital com 816 vagas para estudantes internacionais, em seus cursos de graduação, para candidatos nacionais de Angola, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste.

As inscrições ocorrem desta sexta-feira (20) a 3 de agosto, por meio de formulário eletrônico disponível no Sistema de Seleção de Estrangeiros (Selest).

As vagas se dividem em 348 com ingresso no 2º semestre do calendário universitário do ano letivo de 2018 e 468 vagas para ingresso no 1º semestre do calendário universitário do ano letivo de 2019.

Os resultados do processo seletivo valem para ingresso nos períodos letivos 2018.2 e 2019.1, nos cursos de graduação, modalidade presencial. Podem concorrer candidatos que tiverem nacionalidade e forem residentes em seu país de seleção: Angola, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste; tenham, no mínimo, 18 anos completos até 31 de dezembro deste ano, entre outros requisitos constantes do edital.

Cursos

Uma novidade deste edital é a primeira oferta de vagas para o curso de Engenharia da Computação, recém-aprovado pelo Conselho Universitário. 

Para a entrada em 2018.2, as vagas destinam-se aos cursos de Humanidades e Letras – Língua Portuguesa, no Campus dos Malês, em São Francisco do Conde/BA, e Administração Pública, Agronomia, Enfermagem, Engenharia da Computação, Engenharia de Energias, Humanidades e Letras – Língua Portuguesa, para os campi localizados nas cidades de Acarape e Redenção/CE.

 

Já para o ingresso em 2019.1, as vagas dizem respeito aos mesmos cursos no Campus dos Malês e três cursos a mais no Ceará: Física, Matemática e Química.

 

De acordo com o cronograma apresentado no edital, o resultado final das inscrições sairá em 22 de agosto; a aplicação de provas ocorrerá entre 1º e 9 de outubro e o resultado final será divulgado em 26 de outubro.

Comentários encerrados.