Roda de Conversa discute “Língua e Cultura Hispano-Americana”, nesta segunda (1º)

Nesta segunda-feira (1º de outubro), a partir das 12h30, no auditório do Bloco Administrativo do Campus da Liberdade, em Redenção/CE, o Projeto de Extensão “Espanhol – Língua e Cultura”, em parceria com a Pró-Reitoria de Arte e Cultura (Proex), dentro das ações da “Unilab Cultural”, promove a atividade de Roda de Conversa com a temática: “Língua e Cultura Hispano-Americana”.

Na ocasião, serão abordados aspectos culturais dos países latinos da América do Sul: Peru e da Argentina. Os professores do Instituto de Linguagem e letras (ILL), Dr. Luis Eduardo Torres Bedoya e Dra. Natalia Cabanillas, trazem na bagagem experiências e desenvolvimento dos trabalhos de pesquisa envolvendo a temática.

Os Interessados devem efetuar suas inscrições pelo preenchimento do Formulário Eletrônico. Os inscritos receberão declaração de participação.

Sobre os profissionais

Luis Bedoya – Professor da Unilab, nos cursos de Licenciatura em Pedagogia e Bacharelado em Humanidades (BHU), do Instituto de Linguagem e Letras (ILL). Doutor em Educação Brasileira pela Universidade Federal do Ceará (UFC) e Mestre em Ciências da Religião pela Universidade Metodista de São Paulo (UMESP). Bacharel em Teologia pela Faculdade dos Jesuítas (Faje). Licenciatura Plena em Filosofia. Atualmente ministra as disciplinas Religiosidades e Espiritualidades na Educação da Cidadania nos Países da Integração, Antropologia e Sociologia da Educação nos Países da Integração. Autobiografia e Educação. Tem experiência docente, de pesquisa e coordenação, nas áreas de Educação, Espiritualidade, Ciências da Religião, Teologia e Ciências Humanas.

Natalia Cabanillas – Professora de História pela Universidad Nacional de La Plata (UNLP), Argentina, do Instituto de Linguagem e Letras (ILL/Unilab). É doutora em Sociologia pela Universidade Nacional de Brasilia (Unb), com estância na University of the Western Cape, África do Sul (Visita técnica e PDSE-CAPES) e mestre em Estudos de Asia e África, especialidade: África (El Colegio de México). Sua experiência profissional como consultora em políticas públicas com perspectiva de gênero no nível municipal (México). As áreas de interesse na pesquisa são: relações de gênero e raça; movimentos de mulheres na África do Sul; violência de gênero e memória na África do Sul post apartheid. Feminismos interseccionais e pensamento pós e decolonial.

Comentários encerrados.