Programas Residência Pedagógica e Pibid da Unilab participam do VII Enalic

A Unilab participou, entre os dias 5 e 7 de dezembro, da sétima edição do Encontro Nacional das Licenciaturas (VII Enalic), realizada na Universidade Estadual do Ceará (Uece), com uma delegação composta por 92 representantes, sendo 40 vinculados ao Programa Residência Pedagógica (PRP) e 52 vinculados ao Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (Pibid).

O VII Enalic se constitui como agenda relevante para as instituições e profissionais que vivenciam e pesquisam a formação e o trabalho docente. O evento agregou cerca de três mil participantes vindos de diferentes estados brasileiros em uma programação composta por conferências, mesas-redondas, sessões de apresentação de trabalhos, programações culturais, reuniões de fóruns e entidades e lançamento de livros.

A partir da temática central do evento “Educação e resistência: a formação de professores em tempos de crise democrática”, os representantes do PRP e Pibid da Unilab submeteram e tiveram aprovados para apresentação trabalhos nas modalidades pôster e comunicação oral, que se constituem como primeiros frutos das atividades dos programas no ano de 2018.

De acordo com a coordenadora institucional do PRP/Unilab, professora Elisangela André, os trabalhos representam resultados de uma imersão crítica, problematizadora e reflexiva dos estudantes no contexto das escolas de educação básica do Maciço de Baturité e do diálogo pedagógico estabelecido junto aos coordenadores de área e supervisores/preceptores das escolas-campo que atuam como formadores. Os resultados iniciais apresentados nos trabalhos indicam o potencial formativo dos programas e os ganhos tanto para a universidade quanto para as escolas de educação básica.

A coordenadora institucional do Pibid/Unilab, Luma Andrade, indica que a possibilidade de interlocução com professores e estudantes vindos de diferentes instituições permite aos participantes a ampliação da compreensão de seu próprio processo formativo e dos desafios vividos nos contextos de atuação profissional dos futuros docentes. O evento possibilita, ainda, o diálogo entre os processos de formação de professores à defesa da diversidade, que se constitui como uma das marcas identitárias que vinculam os projetos PRP e PIBID à identidade institucional da Unilab.

 

As docentes ressaltam que a formação de professores se reafirma como uma das áreas de atuação prioritária da Unilab, fortalecendo o compromisso estabelecido entre Brasil, Angola, Cabo Verde, Guiné-Bissau, São Tomé e Príncipe, Moçambique e Timor-Leste em torno dos processos formativos da população, reconhecidos como formas de desenvolvimento dos sujeitos e de seus contextos de existência. As atividades desenvolvidas pelo PRP e pelo Pibid se constituem, dentro desse compromisso institucional, como uma importante estratégia de formação, de inserção local e regional da universidade e, ainda, de cooperação solidária entre os países parceiros.

Comentários encerrados.