Projeto promove primeiro encontro do “Curso para Gestantes” no CRAS/Redenção, dia 18

O projeto de extensão “Curso para gestantes: uma estratégia de promoção da saúde no ciclo gravídico-puerperal”, vinculado ao grupo de Pesquisa e Extensão Saúde Sexual e Reprodutiva (PROSSER) e coordenado pela professora do Instituto de Ciências da Saúde (ICS) e doutora em Enfermagem pela Universidade Federal do Ceará (UFC), Camila Chaves da Costa, promove o primeiro encontro do “Curso para Gestantes”, no dia 18 (segunda-feira), às 8h, no Centro de Referência da Assistência Social (CRAS), Avenida da Abolição S/N, Redenção/CE.

A ação de extensão consistirá na realização de um curso educativo acerca do ciclo gravídico-puerperal direcionado para as gestante e será realizado no CRAS da cidade de Redenção. Visando esclarecer as dúvidas pertinentes ao período gravídico-puerperal e conhecendo o papel do profissional de enfermagem como educador, o qual pode desenvolver grupos que atendam aos usuários, formando vínculo e promovendo a valorização da saúde, objetivou-se realizar um grupo de gestantes com intuito de promover um curso acerca do ciclo gravídico-puerperal, sexualidade, atividade física e aleitamento materno afim de sanar as dúvidas, promover conhecimento acerca da temática e o seu empoderamento para vivenciar a gestação, parto e puerpério de forma saudável.

Esta atividade educativa mediada por oficinas pretende empoderar e compartilhar experiências com as gestantes do município de Redenção para a vivência de forma ativa e saudável do seu processo gravídico-puerperal.

Sobre a palestrante

Camila Chaves da Costa é professora da Unilab, graduada em Enfermagem, com Doutorado e Mestrado em Enfermagem pela UFC, além de ser Especialista em Enfermagem Obstétrica e Saúde da Família. Foi bolsista do Programa de Educação Tutorial (PET). Atua principalmente nas seguintes áreas: Saúde da Mulher, Promoção da saúde e Educação em Saúde. Atualmente pesquisando sífilis na gestação com a temática: “Elaboração, validação e efeitos de intervenção educativa voltada ao controle da sífilis congênita” (tese de Doutorado pela UFC).

Sobre o CRAS

O Centro de Referência da Assistência Social (CRAS) é a responsável pelos serviços socioassistenciais e prevenção das áreas consideradas vulneráveis e com algum risco social nos municípios. Tem como papel fundamental o PAIF (Serviço de Proteção e Atendimento Integral à Família), dando auxílio e orientações as famílias para prevenir situações de vulnerabilidade ou violência. Através do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, eles buscam reunir pessoas que estão na mesma faixa etária (crianças, adolescentes ou idosos) para desenvolver determinadas ações em grupos.

Comentários encerrados.