Seminário de Ambientação Acadêmica acontece de 6 a 9 de maio, no Ceará e na Bahia

A partir da próxima segunda-feira (6), a Pró-Reitoria de Políticas Afirmativas e Estudantis (Propae) vai promover a 12ª edição do Seminário de Ambientação Acadêmica (Samba).

O Seminário Samba 2019.1 acontecerá de 6 a 9 de maio, nos campi da Unilab no Ceará e na Bahia. Em sua décima segunda edição, o Samba propõe, através de atividades culturais e informativas realizadas nos períodos de ingresso universitário, promover o acolhimento e a ambientação dos estudantes brasileiros e internacionais à vida acadêmica da Unilab.

Devido à realização da Audiência Pública, convocada para esta terça-feira (7), a partir das 10h30, as atividades do Samba que estavam programadas pela parte da manhã deste dia, foram transferidas para o dia 9 (quinta-feira) – Assistência estudantil na Unilab e o PAES Equipe de Assistentes Sociais do Nase/Propae e a Palestra com o Prof. Segone Ndangalila Cossa, que seriam realizadas no Auditório Bloco Didático, Campus da Liberdade. 

Os interessados deverão preencher o Formulário Eletrônico para participar dos eventos que acontecerão simultaneamente, a partir das 9h, nos dois estados, com uma programação repleta de atividades. No Ceará, a abertura será no Campus da Liberdade, Auditório do Bloco Didático, em Redenção. Na Bahia, será no Auditório do Campus dos Malês, em São Francisco do Conde.

Programação Completa: Ceará e Bahia.

Sobre o Samba

O Seminário de Ambientação Acadêmica (Samba) tem o objetivo de dar boas vindas aos estudantes e cuidar para que se sintam acolhidos pela comunidade acadêmica da Unilab.

Este é um projeto estratégico da Propae, executado pela Coordenação de Políticas Estudantis (COEST) e realizado em parceria com a Pró Reitoria de Extensão, Pró Reitoria de Relações Institucionais (Proinst) e Pró Reitoria de Graduação (Prograd). Conta ainda com o apoio das demais coordenações e núcleos da Propae como a Coordenação de Atenção à Saúde do Estudante (Coase) e o Núcleo de Atendimento Social ao Estudante (Nase), além da importante parceria com as lideranças e representações estudantis.

O Samba também conta com a colaboração do Programa de Acolhimento e Integração de Estudantes Estrangeiros (PAIE) e dos bolsistas do Projeto Observatório da Vida Estudantil, colaboração importante que contribui para a troca de vivências entre os estudantes e para o fortalecimento da integração na vida universitária.

Comentários encerrados.