Egressos da Unilab são destaques em Mestrados no Brasil e Exterior

Neste ano de 2019, a Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab) está se destacando pelas conquistas dos egressos dos cursos de pós-graduação em instituições de ensino no mundo a fora. 

Entre estas conquistas, três estudantes do Curso de Licenciatura em Física, vinculado ao Instituto de Ciências Exatas e da Natureza (Icen/Unilab), conquistaram vagas (da 3ª a 5ª colocação) no Seletivo do Programa de Pós-Graduação em Física (Mestrado), da Universidade Federal do Ceará (UFC). A seleção de mestrado é composta de três fases: (I) análise de histórico, (II) prova escrita e (III) prova oral. Dessa forma, a seleção é baseada em conhecimentos específicos da área de Física e não na seleção de projeto de pesquisa. Foram apresentados no item (d) o título do Trabalho de Conclusão de Curso (TCC), defendido pelos selecionados e por uma estudante aprovada no Concurso Público Estadual para Professor da Secretaria de Educação (SEDUC) em 2018, no fim do ano de 2018.

A estudante, Karla Bianca, faz parte da primeira turma de Física da Unilab, está cursando o 9º semestre, diz está muito feliz pela conquista e, além de importantes outros agradecimentos, aproveita para parabenizar “a Unilab pelo maravilhoso trabalho que vem fazendo e aos professores do curso de Física pelo tamanho esforço, dedicação e apoio aos seus estudantes”, concluiu a futura professora estadual da disciplina de Física.

Entre os contemplados na listagem do Resultado Final da Seleção 2019.2 de Mestrado da UFC, estão os estudantes:

– José Fernandes Neto, ingressou na Unilab no trimestre 2015.1, apresentando seu TCC sobre a temática de iniciação científica em “Condensação de Bose-Einstein e Gotículas Quânticas Dipolares”, sob a orientação do professor do Icen/Unilab, Aristeu Rosendo Lima. 

– Ismael Albuquerque que apresentando seu TCC: “Transporte Eletrônico em Sistemas Bidimensionais Anisotrópicos”, sob a orientação da professora do Icen/Unilab, Silvia Helena de Sena. Para ele a oportunidade é recebida com muita alegria, e declarou que “sempre quis estudar física e me tornar um doutor e estou vendo que esta porta se abriu para mim e irei aproveitá-la.”, destacou.

– Rogelandio da Costa, apresentou sua pesquisa pelo TCC: “Mecânica Quântica e Termodinâmica: uma demonstração partindo da equação de Shrödinger chegando na equação dos gases ideais”, sob a orientação do professor do Icen/Unilab, Levi Rodrigues Leite.

Entre os estudantes estrangeiros que ingressaram nos campi do Ceará e da Bahia, um estudante guineense conquistou uma vaga no Mestrado de Física do ISCTE – Business School (Instituto Universitário de Lisboa) e outro guineense foi aprovado no Mestrado no Programa de Pós-Graduação em Filologia e Língua Portuguesa da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo (USP).

Sob a temática da pesquisa do TCC: “Contribuição de noção de Letramento para o ensino-aprendizagem da língua portuguesa na Guiné-Bissau”, o guineense Ivo Aloide Ié, egresso da primeira turma do Curso de Licenciatura em Letras Língua Portuguesa da Unilab, do Campus dos Malês, em São Francisco do Conde/BA, conquistou uma vaga no Mestrado em Filologia e Língua Portuguesa da USP, sob a orientação do professor do Instituto de Humanidades e Letras (IHL/Unilab/BA), Paulo Sérgio de Proença.

O Curso de Licenciatura em Pedagogia, vinculado ao Instituto de Humanidades e Letras (IHL/Unilab/CE), tem a conquista do formando guineense, Samuel Adelino Ié, sendo aprovado no seletivo de mestrado ISCTE – Business School, com o estudo de caso da Socremo “Microcrédito e a pobreza urbana na cidade de Maputo“. sob a orientação dos professor Luís Miguel da Silva Laureano e professor assistente do Departamento de Finanças do ISCTE BusinessSchool de Lisboa. Além dos concludentes: Mamadu Mustafá Bari que passou no Programa de Pós-Graduação em Educação do Centro de Ciências da Educação, vinculado à Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e de Antônio Flávio Maciel Jr no Programa Associado de Pós-Graduação da Unilab e do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE).

Os estudantes fazem parte da turma que receberá o título de graduação na Solenidade de Colação Especial de Grau, conforme o Calendário Acadêmico da Unilab de 2019.

É neste caminho que a Unilab, em nove anos de trabalhos prestados à região cearense do Maciço de Baturité e no Recôncavo baiano, com desenvolvimento de pesquisas relevantes, notas em destaques nas avaliações dos seus cursos pelo Ministério da Educação (MEC). Conforme dados disponíveis no Unilab em Números, a universidade detém 359 docentes com doutorado, oito com mestrado e um com especialização. O quantitativo de discentes apresenta 5402, distribuídos em 25 cursos de bacharelado e licenciatura, entre presenciais e a distância, nos campi da Unilab no Ceará e na Bahia.

Matéria relacionada: Unilab e IFCE abrem primeiro edital para Mestrado em Ensino e Formação Docente

 

Comentários encerrados.