“Epistemologias dos Terreiros: movimentos sociais e educação” acontece no dia 13

No dia 13 de dezembro, os grupos de pesquisa e extensão Performarte e Diálogos Urbanos vão promover o encontro “Epistemologias dos Terreiros: movimentos sociais e educação”. A atividade busca abordar a ideia dos terreiros e dos movimentos dos povos de terreiro como espaços de construção de conhecimentos, espaços educativos, espaços do ensinar e do aprender.

A atividade será realizada no Pátio Palmares 2, em Acarape/CE, a partir das 19h. Participarão, como convidados, Yawo de Oxum Victória Maria Oliveira da Silva, estudante do curso de Letras da Unilab; Ekede e Profa. Cristiane Sousa da Silva, docente do Instituto Federal do Ceará, Campus Jaguaribe; e os professores da Unilab Babalorixá e Prof. Linconly Jesus Alencar Pereira, Mestre Capoeira Ricardo Nascimento e o mediador Patricio Carneiro.

“Os terreiros, os povos de terreiros e seus movimentos sociais, inscritos em matrizes culturais afrodescendentes, constituem e efetivam potências educativas que dialogam com outras cosmologias, outras epistemologias, reativando os debates sobre as alternativas ao desenvolvimento, sobre a convivência cotidiana entre as pessoas, sobre as relações – inclusive econômicas – envolvendo a natureza”, explica a organização. São dinâmicas educativas que potencialmente ressignificam e rearticulam as relações entre corpo, mente, espiritualidade, transcendência, vida, conhecimento, teoria e prática.

Comentários encerrados.