Iniciada nova fase do Censo da Vida Estudantil sobre acesso à internet e equipamentos

Até o dia 10 de julho, uma nova fase do Censo da Vida Estudantil sobre acesso à internet e equipamentos está sendo realizada na Unilab. A pesquisa é feita por meio de ligações telefônicas aos estudantes de graduação com matrícula ativa que não responderam ao questionário online.

O contato dura no máximo cinco minutos. Os alunos são convidados a responder questões sobre local de moradia atual, espaço para estudo, porte de equipamentos eletrônicos, acesso à internet e facilidade de realização de atividades a distância.

É importante ficar atento: não é solicitada qualquer informação de documentação pessoal.

As ligações são feitas por servidores da Pró-Reitoria de Políticas Afirmativas e Estudantis (Propae), Pró-Reitoria de Extensão, Arte e Cultura (Proex), Pró-Reitoria de Relações Institucionais (Proinst) e Pró-Reitoria de Planejamento (Proplan), que se identificam no momento do contato.

As chamadas podem ser feitas por números não identificados ou a partir de telefones da própria universidade.

Semestre Remoto

Organizado pelo Comitê Institucional de Enfrentamento ao Covid-19 (CIEC) da Unilab, o censo “vai auxiliar na compreensão da situação dos/das estudantes no período de suspensão das atividades acadêmicas presenciais”, explica o pró-reitor da Propae, James Moura Jr. As informações serão usadas no planejamento do semestre remoto, para que ele seja formatado o mais próximo possível da realidade dos estudantes, já que é dessa forma que se darão as atividades acadêmicas em 2020.

“O planejamento do semestre remoto já está sendo discutido com representantes da Pró-Reitoria de Graduação, Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação, diretorias dos institutos, representantes técnico-administrativos e representantes discentes, para encontrarmos um formato de retorno que contemple todos e todas, sem exceção”, destaca o Prof. James Moura Jr.

Quaisquer dúvidas sobre o censo podem ser enviadas ao número (85) 99204-9294, que também é WhatsApp.

Comentários encerrados.