Concluída reforma hidráulica no Campus dos Malês

Chegou ao fim uma reforma hidráulica realizada no Campus dos Malês da Unilab. O resultado da obra, que teve início em 5 de dezembro de 2019, possibilita à comunidade acadêmica em São Francisco do Conde/BA, entre outras melhorias, um sistema de abastecimento de água totalmente automatizado e mantido por duas bombas centrífugas, responsáveis por manter os reservatórios superiores do prédio sempre abastecidos.

Sanitários, banheiros, copa e sistema de recalque do campus passaram pela reforma.

Com a entrega provisória ocorrida no último dia 23, o pavimento térreo do campus passa a atender à comunidade unilabiana com dois grupos de sanitários (masculino e feminino). E, com a entrada das bombas centrífugas, o prédio estará sempre abastecido para discentes, servidores e visitantes.

Foram substituídos cerca de oito registros hidráulicos que comprometiam o abastecimento de pontos de água, incluindo os registros gerais, além da instalação de duchas higiênicas e troca de torneiras com defeitos.

Execução dos serviços | Foto: Fiscalização

No quesito elétrico, foram melhorados os sistemas de iluminação de todos os ambientes que sofreram intervenções. Os fiscais apontam, ainda, a realização de serviços de assentamento de revestimento e pinturas de paredes e tetos.

Embora pareça algo simples, de acordo com a equipe de fiscalização, composta pelo engenheiro Marcus Dias e pela técnica em Segurança do Trabalho Silvia Moreira, “foram necessárias várias decisões no sentido de interferir o mínimo possível na rotina das aulas ocorridas nos três meses iniciais do serviço, tentando evitar, sempre que possível, demolições e interrupções no fornecimento de água no prédio”.

Muitas vezes, nesse tipo de reforma, a troca de um registro pode provocar efeitos em diversos outros pontos da edificação.

“A conclusão dessa etapa para a melhoria das condições de estudo e de trabalho no campus é, para nós que fizemos parte dos bastidores dessa obra, uma sensação importante de trabalho realizado”, avalia a diretora do Campus dos Malês, Mírian Reis, ao agradecer à equipe envolvida na obra, do projeto à licitação, da fiscalização a toda a equipe técnica da Bahia, passando pelo suporte da Unilab no Ceará. 

Foto: Fiscalização

A obra foi orçada em R$ 205.767,31. Após a licitação, apresentou o valor total de R$ 158.650,00, tendo sido realizada efetivamente em 169 dias.

Nos últimos meses, os trabalhos seguiram um ritmo lento, devido a problemas causados pela pandemia e por um período de intensas chuvas. No entanto, prevaleceu na equipe dos diversos setores envolvidos o “esforço em efetivar a melhoria dos espaços de uso coletivo, como banheiros da quadra, sanitários situados no andar térreo que, devido a diversos problemas de infiltração no piso vinham sendo mantidos interditados, sanitários e copa localizados no andar superior do Campus dos Malês”, garantem os fiscais.

Confira um pouco do que foi realizado:

Comentários encerrados.