Reitor e vice-reitora da Unilab realizam agenda de visitas e encontros em São Francisco do Conde/BA

O reitor e a vice-reitora da Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab), Roque Albuquerque e Cláudia Carioca, estiveram em agenda com autoridades e comunidade acadêmica no município de São Francisco do Conde, Bahia, onde fica o Campus dos Malês. Foram dias de diálogo e construção de compromissos coletivos, sempre com a participação da diretora do campus, Mírian Reis.

Mírian ressaltou a relevância do gesto da Reitoria em ir ao Campus dos Malês logo no início da gestão. “O campus dos Malês, ao longo de seus seis anos de existência, tem se empenhado em cumprir a missão institucional da Unilab. As melhores demonstrações desse trabalho em equipe são os excelentes resultados das primeiras avaliações dos seus cursos pelo MEC e o desempenho muito bom de nossos egressos. A presença da Reitoria no campus, no início de sua gestão, acena para o diálogo necessário e para o reconhecimento de que a Unilab só cumprirá integralmente seu papel social de instituição pública de ensino quando oferecer condições justas para servidores e estudantes, em todos os seus campi, em todas as suas unidades”, disse.

Secretaria de Educação do Estado

Secretário de Educação do Estado da Bahia recebe comitiva da Unilab

Já no primeiro dia (13), ocorreu um encontro com o secretário da Educação do Estado, Jerônimo Rodrigues, com o objetivo de discutir possíveis parcerias. O reitor Roque Albuquerque avaliou o primeiro encontro com o Secretário de Educação. “Foi uma satisfação chegar aqui e saber da ampla aproximação que o órgão já possui com a universidade. Este momento de pandemia acabou sendo o assunto principal e conversamos sobre a disponibilidade do nosso curso de extensão em Tecnologia e Comunicação, através de um termo de cooperação para a capacitação dos professores da rede estadual, além de propostas com a realização de estágios para nossos estudantes em escolas da região, como forma de integrar o aprendizado”, afirmou.

Jerônimo Rodrigues destacou a importância do diálogo com a Unilab. “Com o campus do Malês, a Unilab pode contribuir muito para fortalecer a Educação Básica da região. Em parceria, podemos desenvolver cursos de extensão, estágios e ampliar a ligação da universidade com os estudantes locais a partir da implantação do projeto do Complexo Integrado de Educação, para fortalecer ainda mais a aprendizagem, por meio da valorização e do desenvolvimento da região”, disse.

Mírian Reis sublinhou o apoio que o campus recebe da SEC, tanto com a integração de estudantes no Programa Partiu Estágio quanto no incentivo a ações em parceria. Dentre essas ações, destacou-se na reunião o diálogo embrionário de planejamento de oferta, por parte da Unilab, de ações de formação inicial e continuada para professores da rede estadual, a partir da expertise com cursos de extensão e especialização no formato EaD, pelo que a professora Cláudia Carioca destacou: “o que está sendo ofertado para a formação dos docentes da Unilab pelo IEAD e pela Prograd pode ser adaptado para a capacitação dos professores da rede”.

Obras do Campus dos Malês

No dia 14/7, houve visita às obras do Campus dos Malês, acompanhada pelo deputado federal pela Bahia Cacá Leão (PP/BA) e pelo prefeito e vice-prefeito de São Francisco do Conde, Evandro Almeida e Carlos Alberto Cruz (Nem do Caípe), respectivamente. Na ocasião, Roque Albuquerque e Cláudia Carioca comprometeram-se em mobilizar esforços para conseguir mais investimentos ao campus, assegurando integração sede e Malês. o deputado Cacá Leão se comprometeu a destinar, ainda este ano, pelo menos R$ 2 milhões para o reinício dos trabalhos e captar o restante dos recursos para a conclusão até o início do próximo ano.

Visita à obra de expansão do Campus dos Malês

Em seguida, juntaram-se à comitiva o secretário municipal de habitação e projetos estratégicos, Ruy Barbosa, e o assessor especial do vice-governador, professor Herbert Oliveira, e o diretor do Instituto de Humanidades e Letras Malês (IHL), professor Pedro Leyva, em reunião na sala da direção do Campus dos Malês. De lá, seguiram para o auditório da Secretaria Municipal de Educação, onde encontraram com as Secretárias de Educação, Rahijois Oliveira; Saúde, Eleuzina Falcão; Cidadania, Direitos Humanos e Juventude, Luciana Araújo, e com o Presidente da Câmara de Vereadores.

Durante a reunião, os representantes da Unilab destacaram o reconhecimento à prefeitura de São Francisco do Conde pela parceria e apoio prestados ao campus, tanto para a implantação, como para a consolidação. Também foi ressaltado o empenho conjunto entre campus e prefeituras do entorno em prol da implantação do curso de Medicina, demanda antiga e urgente do Território. O deputado Cacá Leão comprometeu-se a apoiar o campus a partir da captação dos recursos necessários para a retomada da obra. O prefeito falou da importância de esforços articulados entre gestores municipais, reitoria e campus, com o apoio de parlamentares que sempre demonstraram interesse e atenção em relação à Unilab na Bahia.

Autoridades se reúnem na Secretaria Municipal de Educação de SFC

Projeto de Segurança Alimentar e Nutricional da CPLP

Os professores Mírian e Pedro conduziram o reitor e a vice-reitora para conhecer a Fazenda Marapé, onde se desenvolve uma das etapas do Projeto de Segurança Alimentar e Nutricional da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), com o plantio de mandioca para fortalecimento da agricultura familiar.

Conselho Municipal de Promoção da Igualdade

A comitiva da Unilab reuniu-se também com representantes do Conselho Municipal de Promoção da Igualdade, onde discutiram sobre respeito à diversidade, combate à intolerância religiosa e o papel da universidade como agente formador de opinião.

Técnico-administrativos, docentes e discentes

O reitor e a vice-reitora receberam representações das categorias de técnico-administrativos, docentes (através de plataforma virtual) e discentes – em dois momentos: primeiro com o Diretório Central dos Estudantes (DCE) e depois com membros da Associação de Estudantes e Amigos da África (ASEA/Unilab/BA). Reitor e vice-reitora receberam as demandas das categorias e explicaram que já estão trabalhando na maioria delas, sendo que algumas foram anteriormente repassadas pela gestão do campus e do IHL. Ambos reafirmaram o compromisso de corrigir injustiças, manter canais de diálogo abertos e de atuar para a efetiva concretização e consolidação da Unilab Bahia, como é o desejo de todos os segmentos que compõem a comunidade unilabiana baiana.

Comentários encerrados.