Mesa Institucional reúne falas sobre agricultura familiar e conhecimento técnico-científico

Teve início nesta segunda-feira (27) a Mostra Interterritorial Científica e Tecnológica da Bahia, coordenada pela Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab) na Bahia. O evento integra a 16ª Semana Nacional de Ciência e Tecnologia.

As atividades acontecem até a sexta-feira (31), de forma on-line, e podem ser acompanhadas no canal do Instituto Anísio Teixeira no YouTube. A Mostra é uma iniciativa da Rede Baiana de Pesquisa, Ensino e Extensão para o Desenvolvimento Rural e Agricultura Familiar.

Logo na Mesa Institucional ficou evidente o objetivo do evento em aproximar agriculturas familiares ao conhecimento técnico-científico. Mediador da atividade, José Tosato destacou esse viés. Ele, que é coordenador executivo de pesquisa, inovação e extensão tecnológica da Secretaria de Desenvolvimento Rural da Bahia, ressaltou a necessidade de aproximar o conhecimento tradicional e experimental dos povos e comunidades com as instituições de ensino, pesquisa e extensão.

Destaque também é a presença de estudantes da Educação Básica, expandindo as discussões e articulações entre os diversos atores sociais e promovendo o intercâmbio de saberes, a partir da popularização da ciência. “Neste momento, estamos com a participação bastante grande de estudantes do Ensino Médio e de Ensino Superior e das mais diversas instituições. Das universidades federais às escolas famílias agrícolas”, afirmou Tosato.

Em consonância, o Prof. Jerônimo Rodrigues, secretário de Educação da Bahia, ratificou a inovação com a presença das escolas estaduais no processo de popularização da ciência, durante a Semana Nacional de Ciência e Tecnologia. 

“Ensino, pesquisa e extensão em prol do desenvolvimento rural, da agricultura familiar, dos povos tradicionais”, defendeu o secretário, ressaltando que este é o momento de valorizar as universidades públicas federais, a ciência e os conhecimentos tradicionais.

O reitor pro tempore da Unilab, Prof. Roque Albuquerque, manifestou o desejo e compromisso para que as instituições federais de ensino cheguem aos interiores mais distantes no estado baiano.

“Queremos colocar à disposição do Governo do Estado a contribuição da Unilab no auxílio aos professores da rede, no uso de ferramentas das Tecnologias de Informação e Comunicação. A parceria está firmada”, garantiu Roque.

A Mostra soma nove mesas de discussões e exposições fotográficas, além de um dia de seminário de fitoterápicos, na sexta-feira (31). A Profa. Carla Craice, que integra a coordenação do evento, renovou o convite a toda a comunidade acadêmica e externa. “É um evento que abrange movimentos sociais, que traz a gestão pública para diálogo, que insere questões acadêmicas para o público em geral e considera que diversos conhecimentos são feitos sobre os rurais na Bahia”.

Além de Jerônimo Rodrigues, Roque Albuquerque e Carla Craice, participaram da Mesa Institucional os reitores da Universidade Federal do Recôncavo Baiano e do Instituto Federal Baiano, Fábio Josué e Aécio José Duarte, respectivamente; o professor e líder quilombola Ananias Viana; os secretários estaduais de Desenvolvimento Rural e de Ciência, Tecnologia e Inovação, Josias Gomes e Adélia Pinheiro, respectivamente; e a vice-coordenadora do Grupo de Pesquisa e Extensão da Unilab Nyemba, Mariana Petroni.

Sobre o evento

A Mostra Interterritorial Científica e Tecnológica da Bahia tem como tema “Bioeconomia –Diversidade e Riqueza para o Desenvolvimento Sustentável”.

O evento é uma iniciativa da Rede Baiana de Pesquisa, Ensino e Extensão para o Desenvolvimento Rural e Agricultura Familiar e coordenada pela Unilab. Na organização também estão as secretarias estaduais de Desenvolvimento Rural, Educação, e de Ciência, Tecnologia e Inovação; a Universidade Federal do Recôncavo da Bahia; o Instituto Federal Baiano; Centro de Educação e Cultura Vale do Iguape (CECVI) e a Embrapa. O evento é financiado pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

Mais informações e programação completa no site da Mostra.

Acompanhe o evento nas redes sociais: Instagram e Facebook. Assista aqui as atividades.

 

 

Comentários encerrados.