Regularização do Imigrante

No dia seguinte a sua chegada, o estudante deverá procurar a Pró-reitoria de Relações Institucionais para dar início aos procedimentos de regularização de sua documentação como estrangeiro no Brasil. É preciso ter, no mínimo, R$ 130, 00 (centro e trinta reais) para pagar as taxas necessárias para regularização da documentação.

Registro Nacional de Estrangeiro (RNE)

O estudante (a) será encaminhado à Polícia Federal para registra-se como estrangeiro legal no país, com um visto de 01 (um) ano. Para tal, precisará dos seguintes documentos:

a) Passaporte original com visto e cópias das páginas utilizadas;

b) Visto temporário emitido pelo Consulado do Brasil em seu país de origem;

c) 02 (duas) fotos atuais 3 x 4, com fundo branco;

d) Formulário da Polícia Federal preenchido;

e) Comprovante de pagamento da taxa de R$ 124,23 (cento de vinte e quatro reais e vinte e três centavos)

Site da Polícia Federal Brasileira com informações complementares:

Polícia Federal – (Clique Aqui)

Cadastro de Pessoas Físicas (CPF)

O estudante (a) será encaminhado à Receita Federal para providenciar o cartão do Cadastro de Pessoas Físicas (CPF), para o qual serão precisos os seguintes documentos:

a) Passaporte;

b) Comprovante de pagamento da taxa de R$ 5,70 (cinco reais e setenta centavos).

Site da Receita Federal com mais informações sobre o CPF: (Clique Aqui)