Unilab chega aos cinco anos com 2.625 estudantes na graduação e 873 na pós-graduação

Graduação

Entre estudos, missões de prospecção aos países parceiros, apresentações e debates realizados pela comissão de implantação, foram identificadas inicialmente para atuação prioritária as áreas de agricultura, saúde coletiva, educação básica, gestão pública, tecnologias e desenvolvimento sustentável. Essas áreas foram as bases que deram origem aos primeiros cursos de graduação da Unilab. Em cinco anos, já são 14 cursos: Administração Pública, Agronomia, Antropologia, Bacharelado em Humanidades, Ciências Biológicas, Enfermagem, Engenharia de Energias, Física, História, Letras-Língua Portuguesa, Matemática, Pedagogia, Química e Sociologia.

Atualmente, a Pró-Reitoria de Graduação (Prograd) recebe e realiza o acompanhamento de 2.625 estudantes, sendo 1.939 alunos nos municípios de Redenção e Acarape/CE e 193 em São Francisco do Conde/BA. Completam a conta mais 493 estudantes que cursam Administração Pública no ensino a distância, no bojo do Sistema Universidade Aberta do Brasil – UAB.

Em dezembro de 2014, a Unilab realizou sua primeira colação de grau, com o curso de Bacharelado em Humanidades.

Pós-graduação

Sob a coordenação da Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação (Proppg), a Unilab criou dois cursos de stricto sensu (programas de mestrado e/ou doutorado). Um deles é o Mestrado Acadêmico em Sociobiodiversidade e Tecnologias Sustentáveis (Masts), iniciado em agosto de 2014, com 15 alunos. Recentemente, o Mestrado em Humanidades foi aprovado pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes-MEC) e tem início previsto para o segundo semestre de 2015, com entrada de 10 alunos.

A Unilab possui quatro cursos de especialização oferecidos na modalidade a distância em Redenção/CE, com 589 alunos, e em São Francisco do Conde/BA, com 274 alunos, e ainda um curso de Aperfeiçoamento também a distância, ofertado no Campus dos Malês.

Através dos cursos a distância, a Unilab está presente em 68 cidades, sendo 55 no Ceará e 13 na Bahia. Com relação aos cursos presenciais, há um alcance de 32 municípios cearenses, provenientes principalmente da região do Maciço do Baturité, e ainda estudantes oriundos de 8 municípios na região do Recôncavo Baiano, bem como de outros estados brasileiros, entre os quais Amazonas, Minas Gerais e Rio de Janeiro.

PESQUISA
O desafio de construir conhecimento no contexto da integração

EXTENSÃO
Ações de extensão, arte e cultura buscam diálogo entre a Unilab e seu entorno

INÍCIO
Criada em julho de 2010, Unilab completa cinco anos

.

Comentários encerrados.